Tio acusado de violentar menina de 10 anos passará por DNA em Vitória para conclusão do caso

Nos vídeos lançados pelo homem momentos antes de sua prisão ele pede para que seja realizado os testes no avô e também no filho do avô, pois ele alega que os dois também abusavam da criança. O suspeito confessou que mantinha relações com a menina e alegou que tinha o consentimento dela para tal ato.

Porém perante a lei regente no nosso país é totalmente proibido que uma menina de apenas 10 anos de idade tenha a condição de consentir algo assim. A Polícia Científica de Pernambuco coletou o material genético do feto e da vítima, e irá cruzar com o material coletado pela Polícia do Espírito Santo afim de ter um veredito e ter uma prova concreta que o principal suspeito cometida o crime contra a pequena criança de 10 anos somente.

Vamos aguardar mais informações sobre o caso e qualquer novidade estaremos trazendo em primeira mão à todos vocês. Agora é torcer para que tudo de certo e realmente o criminoso possa pagar pelo terrível crime que tem cometido a anos segundo a vítima.

Deixe nos comentários abaixo sua opinião sobre esse triste fato, e sobre a frequência que tem surgido casos desse teor em nosso país. E na sua opinião qual deveria ser a punição para criminosos desse porte, pois as sequelas causadas em uma criança são traumas que ela carregará pela vida toda.

Atrapalhando que ela tenha um relacionamento sadio com outra pessoa quando for adulta, fazendo com que ela tenha muita dificuldade em formar uma família um dia.

Fonte: Folha Vitória